SETEMBRO AMARELO

Setembro Amarelo na USP terá debates e atendimento psicológico

Durante todo o mês, institutos oferecem programação temática com atividades sobre saúde mental


A  USP participa da campanha Setembro Amarelo com iniciativas de diferentes institutos (Foto: Flickr-CC)

De 11 de setembro a 10 de outubro, a FFLCH (Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas) da USP promove atividades do Setembro Amarelo, uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio.

Ao longo de cinco semanas, serão realizadas palestras, mesas-redondas, oficinas e atividades culturais, voltadas ao debate e ao acolhimento sobre saúde mental.

Professores da FFLCH e de outras unidades da USP e especialistas de instituições de ensino e saúde vão discutir o assunto de uma forma interdisciplinar.

Todas as atividades são gratuitas. Há necessidade de inscrição somente para as oficinas, por causa do número limitado de vagas, que devem ser feitas pela página Setembro Amarelo FFLCH, onde pode ser acessada a programação completa do evento.

Plantão de atendimento

No ICB (Instituto de Ciências Biomédicas), serão oferecidos plantões de atendimento psicológico, sob coordenação da psicóloga Margareth Labate. Eles são promovidos pela CAC (Comissão de Apoio à Comunidade) do instituto.

Os atendimentos são gratuitos e acontecem nas salas 205 e 206 do prédio ICB IV, das 10 às 18 horas, às terças e quintas-feiras do mês de setembro.

Campus de São Carlos

A programação começa no dia 13 de setembro e foi desenvolvida conjuntamente entre a Prefeitura do Campus USP de São Carlos (Serviço Social, Centro Cultural e Cefer), EESC (Escola de Engenharia de São Carlos), Tusp (Teatro da USP), Caaso (Centro Acadêmico Armando de Salles Oliveira) e Sanca Social.

Os eventos são destinados a toda a comunidade (alunos, professores e funcionários técnico-administrativos). Não é necessário realizar inscrição prévia.

Outras informações sobre a programação podem ser obtidas pelo telefone (16) 3373-9111.

Destaques