Comissão de Edecação analisa pagamento de creches particulares com recursos do Fundeb

Se aprovada, proposta para análise na Comissão de Assuntos Econômicos


(Foto: Patrícia Cruz/A2FOTOGRAFIA)

A CE (Comissão de Educação, Cultura e Esporte) analisa o Projeto de Lei do Senado 172/2018, que pretende permitir o pagamento de despesas com educação de crianças de até três anos em creches privadas, com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação. Segundo o texto, 70% das crianças com menos de três anos de idade estão sem acesso à creche.

O autor da proposta, senador Wilder Morais (PP-GO), destaca que, sem vagas nas creches, as mães enfrentam dificuldades para assumir um emprego e sustentar suas famílias. Segundo ele, a situação é ainda mais grave nas classes mais pobres.

Além disso, citou o senador, a PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) de 2015 aponta que 7,7 milhões de crianças de menores de 4 anos de idade não frequentavam creche ou escola. Desses, 61,8% – ou 4,7 milhões –, tinham responsáveis que demonstravam interesse em matriculá-las.

“Há uma demanda não atendida e que carece de iniciativas com vistas a assegurar o direito das crianças à educação”, argumentou Wilder Morais.

Ainda sem relator na CE, o texto seguirá depois para a CAE (Comissão de Assuntos Econômicos).