CULTURA

Teatro da Uerj apresenta homenagem a compositoras brasileiras

No show gratuito a banda interpreta canções de Chiquinha Gonzaga, Dona Ivone Lara, Marisa Monte e Céu

domingo (17/12), os últimos  espetáculos deste ano. Embora passe por uma situação de crise, a Uerj mantém em funcionamento o Teatro Odylo Costa Filho, que oferece ao público eventos novos e gratuitos, principalmente relacionados à própria universidade, como os que tratam de educação, informou a diretora da Divisão de Teatro, Alba Valéria.

“A gente vem levando este ano inteiro assim. Não estamos a plena carga, mas estamos mantendo o teatro funcionando”, disse Alba Valéria à Agência Brasil. A intenção, segundo ela, é “mostrar resistência”.

Ela ressaltou que o trabalho feito pela Divisão de Teatro, assim como o de outras áreas da Uerj, contribui para conscientizar a população sobre os problemas que a instituição enfrenta, como redução de investimentos pelo governo estadual e o não pagamento de professores. “A gente tem feito esse trabalho de conscientizar a população interna e externa da importância da universidade resistir enquanto bem público.”


(Agência Brasil/Reprodução)

Na próxima quarta-feira (13), será apresentado no teatro um projeto de extensão da professora de música Ilana Linhales, desenvolvido durante o ano inteiro com seus alunos do Colégio de Aplicação da Uerj. A apresentação faz parte do fechamento do projeto. No espetáculo Elas – Canto Porque o Instante Existe, o grupo Ah!Banda presta homenagem às grandes compositoras brasileiras.

O grupo, que estuda a música brasileira em seus aspectos históricos, sociais, culturais e musicais, e pesquisou, desde maio, a vida e a obra de compositoras que se destacaram no cenário artístico nacional nos séculos 20 e 21. No show, Ah!Banda interpreta canções de Chiquinha Gonzaga, autora da primeira marcha carnavalesca, Ó Abre Alas, e de compositoras contemporâneas como e Dona Ivone Lara, Marisa Monte, Céu e Maria Gadú.

Segundo a  assessoria da Divisão de Teatro, o evento abre as comemorações dos 15 anos do projeto do CAp-UERJ "Juventude, Prática Musical e Expressão: vivendo e criando música com jovens", que deu origem ao grupo AH! Banda.

Sábado (16) e domingo (17), haverá também apresentações gratuitas de escolas de dança. Com capacidade para 1.106 pessoas, atualmente, o Teatro Odylo Costa Filho tem, em média, presença de 700 pessoas por espetáculo, informou Alba Valéria.

 

Destaques