ESPORTE

Academia Nacional de Direito Desportivo firma acordo de cooperação com a associação latino-americana

Acordo foi assinado durante o II Jurisport, realizado em novembro em Foz do Iguaçu, no Paraná

A ANDD (Academia Nacional de Direito Desportivo) firmou acordo de cooperação com a Aladde (Asociación Latinoamericana Del Derecho Del Deporte), com sede em Buenos Aires (Argentina), para promover o desenvolvimento de atividades acadêmicas e culturais, seminários, grupos de trabalho e outras realizações em comum no âmbito do Direito Desportivo.

O acordo foi assinado durante o II Jurisport, realizado em novembro em Foz do Iguaçu, no Paraná, pelos presidentes da ANDD, Guilherme Caputo Bastos, e Ricardo Frega Navía, da ALADDE.

“A assinatura deste convênio é de extrema relevância na medida em que as entidades acadêmicas sul-americanas passam a se integrar de forma definitiva, no intuito de promover e debater os temas ligados ao Direito Desportivo. Além disso, a realização de pesquisas e formação de grupos de trabalho integrados propiciará o fortalecimento do Direito Desportivo na América do Sul”, explica o advogado Mauricio de Figueiredo Corrêa da Veiga, secretário-geral da ANDD.

ANDD

Com sede em Brasília, a ANDD tem por finalidade o estudo do Direito Desportivo e a difusão dos conhecimentos jurídicos-desportivos, inclusive por meio de publicações próprias e o incentivo à divulgação científica. Também promove eventos como palestras, seminários e congressos destinados a ministros, desembargadores, juízes, advogados, procuradores, servidores, atletas e estudantes.

Na esfera jurídica, a entidade poderá impetrar mandado de segurança coletivo, ação civil pública, ação direta de inconstitucionalidade, mandado de injunção e outras medidas judiciais em defesa dos interesses difusos da sociedade e dos interesses coletivos de seus associados.

A entidade tem como objetivo principal o estudo do Direito Desportivo e a difusão dos conhecimentos jurídico-desportivos, inclusive por meio de publicações próprias e o incentivo à divulgação científica.

Desde que foi criado, em março de 2015, o Painel Acadêmico só cresceu. Enfrentando diversas dificuldades, conquistamos todos os dias novos leitores com nossa produção jornalística independente e linha editorial de permanente defesa do acesso ao conhecimento de qualidade para todos os brasileiros. Para seguir com a missão não só de informar sobre os principais acontecimentos na área, mas sobretudo de diminuir a distância entre a produção acadêmica e o grande público, precisamos da sua ajuda.
Saiba como apoiar nosso projeto jornalístico independente sobre Educação.
Quem contribui ganha livros e descontos:

Notícias