PARA SABER MAIS

2 livros para saber mais sobre documentários

Conheça dois títulos da Alameda que tratam do gênero documentário e sua produção no Brasil

Toda semana a coluna Para Saber Mais seleciona títulos da editora Alameda que tratam de assuntos interessantes a serem estudados. O tema escolhido para essa semana foi o gênero cinematográfico do documentário.

Menos glamoroso que os gêneros de ficção, o documentário já nasce envolto por inúmeras polêmicas, como a questão do viés do diretor e da veracidade dos fatos mostrados. Apresentamos dois livros que procuram analisar essas questões a partir de duas perspectivas diferentes, a do documentário como arte e como produto audiovisual.

Em Documentário e Mercado no Brasil, a pesquisadora Teresa Noll Trindade traça um panorama do estado atual da arte do documentário no país. A obra faz um retrato da cadeia econômica de produção do filme documental, levado em conta as políticas estatais e o crescimento desse tipo de produção nos últimos anos. Os métodos de distribuição das cópias e o espaço para a exibição dos filmes também são debatidos.

Documentário e Mercado no Brasil: Da produção à sala de cinema por Teresa Noll Trindade está disponível para compra no link.

O abrigo do tempo propõe outra abordagem do documentário, nesta obra o gênero  é estudado como uma expressão artística que retrata a passagem do tempo. O autor, Henri Arraes Gervaiseau analisa obras-chave do cinema documentário mundial, desde os irmãos Lumière até Jean-Luc Godard, para entender as mudanças que se produziram entre a relação do homem com o tempo.

O abrigo do tempo: Abordagens cinematográficas da passagem do tempo por Henri Arraes Gervaiseau está disponível na loja virtual da Editora Alameda, que pode ser acessada neste link

Desde que foi criado, em março de 2015, o Painel Acadêmico só cresceu. Enfrentando diversas dificuldades, conquistamos todos os dias novos leitores com nossa produção jornalística independente e linha editorial de permanente defesa do acesso ao conhecimento de qualidade para todos os brasileiros. Para seguir com a missão não só de informar sobre os principais acontecimentos na área, mas sobretudo de diminuir a distância entre a produção acadêmica e o grande público, precisamos da sua ajuda.
Saiba como apoiar nosso projeto jornalístico independente sobre Educação.
Quem contribui ganha livros e descontos:

Confira