LIVROS

São Paulo 1932

Memória, Mito e Identidade

A cidade de São Paulo ostenta múltiplos signos de celebração da “guerra civil” de 1932. Duas de suas maiores avenidas foram batizadas com datas que fazem alusão ao conflito: 9 de julho e 23 de maio. Naquilo que diz respeito diretamente à revolução e seus desdobramentos simbólicos, a construção do evento acabou se tornando o grande mito da história estadual, cuja memória começou a ser construída imediatamente após a deflagração da guerra. Este livro procura estudar e refletir sobre esse período através da análise minuciosa dos historiadores Marco Cabral dos Santos e André Mota.

São Paulo de 1932, além de escrever uma história da “revolução”, mostra alguns de seus contornos figurando como importante elemento constitutivo de uma suposta identidade paulista e de sua memória coletiva. Dividido em quatro capítulos, o livro aborda temas específicos que, em conjunto, convergem para a avaliação do movimento armado de 1932 sob o olhar da constituição de uma memória oficial, confirmada por finalidades políticas bem definidas. O episódio da Revolução de 32 evidenciou as tensões entre o papel desempenhado por São Paulo na construção da nação e suas aspirações frustradas com a Revolução de 1930. A memória estabelecida desde então guarda uma correspondência com o complexo quadro político e social que culminou com a guerra civil ou seja, o mito da “excepcionalidade paulista”, calcado em sua constituição racial e sócio-cultural diferenciada.

Este livro busca interpretar a identidade paulista, por meio de uma junção entre as mudanças corporativas vividas pelos médicos, com a luta entre as especialidades e as propostas centralizadoras vindas do novo governo. Por esse contexto, se para muitos aquele momento correspondia a uma “crise profissional”, para outros foi uma oportunidade de abrir espaço para a sua área de atuação e participação nos projetos médicos e sanitários vigentes.

Sobre a coleção: A coleção Passado Presente surge da convicção de que pensar o passado das sociedades é fundamental para pensar também seu futuro, e com isso transformar o presente. Para isso, apresenta textos agradáveis e de fácil acesso ao público em geral, elaborados por historiadores profundamente especializados em cada um dos temas tratados.

Livro: São Paulo 1932
Autor: Marco Cabral dos Santos e André Mota
Edição: Alameda (11 3012-2403)
Preço: R$ 28 (172 páginas)
ISBN: 978-85-7939-003-6 
Formato: 12,5x 20,5 – brochura –off set– 0, 170 Kg

Compre online na loja Alameda Editorial 

 


 

Desde que foi criado, em março de 2015, o Painel Acadêmico só cresceu. Enfrentando diversas dificuldades, conquistamos todos os dias novos leitores com nossa produção jornalística independente e linha editorial de permanente defesa do acesso ao conhecimento de qualidade para todos os brasileiros. Para seguir com a missão não só de informar sobre os principais acontecimentos na área, mas sobretudo de diminuir a distância entre a produção acadêmica e o grande público, precisamos da sua ajuda.
Saiba como apoiar nosso projeto jornalístico independente sobre Educação.
Quem contribui ganha livros e descontos:

Confira