MÊS DA MULHER

Oito livros para ler no mês das mulheres

Em homenagem ao Mês das Mulheres, a Editora Alameda fez uma seleção de alguns títulos que tocam a questão de gênero. Os títulos têm temas variados, que vão da história do feminismo, passam por trajetórias de cientistas mulheres, pelo gênero na música e, até mesmo, histórias confessionais sobre a condição feminina e muito mais. Confira!

  • Mulher Fiel - Etnografia do Amor nas prisões do PCC

Mulher Fiel é uma etnografia realizada junto a mulheres que viajam centenas de quilômetros para visitar seus maridos presos, junto a mulheres guerreiras que passam por vários tipos de constrangimentos, sacrifícios e sofrimentos para passar algumas horas ao lado de seus companheiros.

Autora:Jacqueline Ferraz de Lima

Compre aqui.

  • Aborto e Democracia

O livro apresenta uma série de estudos sobre as disputas em torno do direito ao aborto no Brasil, que permitem entender a correlação de forças e as restrições aos direitos das mulheres que a situação atual implica.

Organizadores: Flávia Biroli e Luis Felipe Miguel

Compre aqui.

  • O Gênero da música - a construção social da vocação

Tomando como ponto de apoio as trajetórias das musicistas Helza Cameu e Joanídia Sodré, ilustres desconhecidas do publico mais amplo, e o universo da musica erudita no Brasil, domínio restrito a especialistas, a pesquisadora Dalila Vasconcellos de Carvalho realiza neste livro uma análise inédita da vida cultural brasileira, na primeira metade do século XX, atenta a maneiras específicas como as mulheres aí se inserem.

Autora: Dalila Vasconsellos de Carvalho

Compre aqui.

  • Breve História do Feminismo no Brasil e outros ensaios

Publicado pela primeira vez em 1993, vem agora em nova edição ampliada da obra clássica sobre o movimento feminista brasileiro de Maria Amélia de Almeida Teles inclui seis novos ensaios, que analisam as pautas da luta feminista nos últimos anos, levando em conta as cicatrizes deixadas pela ditadura militar.

Autora: Maria Amélia de Almeida Teles

Compre aqui.

  • Feminismo no exílio - o círculo de mulheres em Paris e o grupo latino americano de mulheres em Paris 

Através de pesquisa qualitativa baseada em entrevistas com ex-militantes de grupos feministas no exílio e em uma documentação sobre o período, as análises e descrições que compõem a obra nos levam a conhecer o contexto do feminismo francês, as questões da relação entre o feminismo e a esquerda brasileira, as conexões entre os processos do exterior do Brasil e, finalmente, a experiência de uma militância política construída em um país estrangeiro, durante o exílio.

Autora: Maira Abreu

Compre aqui.

  • Eu preferia ter perdido um olho

Paloma Franco escreve sobre experiência de trauma pessoal em tom confessional para uma tentativa de compreensão da vida e da realidade humana, em toda sua subjetividade. Ao mesmo tempo, passa longe da já saturada auto-ficção.

Autora: Paloma Franco Amorim

Compre aqui.

  • Macabeias da Colônia - criptojudaísmo feminino na Bahia

Chamando as mulheres de Macabeias, o autor simboliza o heroísmo dos Macabeus, para os quais a resistência à tirania era a verdadeira obediência a Deus. Obra de leitura obrigatória aos que procuram conhecer esse outro Brasil, povoado de judeus secretos, o funcionamento da Inquisição, a transformar cada vitima em cumplice, os subterrâneos da história colônia, e como se moldaram as mentalidade numa civilização construída na base da cultura do segredo.

Compre aqui.

  •  
  • Sobre o caso “Marie Currie”

Sobre uma revisita a trajetórias na história das ciências - não só a de Marie Curie como a de sua rede familiar - a pesquisa se dedica também a mostrar a resistência, quase no sentido psicanalítico, que o mundo material opõe aos pesquisadores.  Além disso, numa França dividida pelo Processo Dreyfus, a questão da ‘raça’ se intromete na questão de gênero e mostra até que ponto elas aparecem sempre historicamente imbricadas.

Compre aqui.

 

 

 

Confira