APURAÇÃO

Ministério Público abre inquérito para investigar concurso da Caixa

Mais de 28 mil candidatos aprovados no certame, realizado em 2014, ainda aguardam convocação; concurso vence em junho

O MPT (Ministério Público do Trabalho), abriu inquérito civil para investigar eventuais irregularidades no último concurso público promovido pela Caixa Econômica Federal para o cargo de Técnico Bancário. Com mais de 28 mil candidatos aprovados e não convocados, o certame, realizado em 2014, deverá expirar em junho deste ano.

“A realização de certame com a finalidade exclusiva de aprovar vagas para cadastro de reserva, deixando em espera milhares de candidatos e sem a indicação precisa do número de vagas no edital, aponta violação aos princípios aplicáveis à Administração Pública inscritos no artigo 37 da Constituição Federal”, afirma Carlos Eduardo Brisolla, procurador do Trabalho responsável pelo caso.

Em ofício já enviado à presidente da Caixa, Miriam Aparecida Belchior, Brisolla solicitou que o banco apresente a relação dos candidatos aprovados no concurso e dos efetivamente admitidos desde 17 de junho de 2014. O procurador também quer saber o número de vagas abertas desde então por aposentadorias e por outras razões, discriminando-as também por unidade.

Em junho de 2014, mais de 30 mil candidatos foram habilitados ao cargo de técnico bancário. Destes, 2 mil foram nomeados. Os demais ainda aguardam a convocação e questionam a falta de reposição de empregados, principalmente por conta do Plano de Aposentadoria Anual do banco.

(*) Com informações do MPT.

Últimas notícias